Quanto custa? – O Suplemento

1
1062

De forma bem simplista, podemos comparar uma fazenda a um hotel, no qual, da mesma forma que um hotel tem como atividade hospedar pessoas, uma fazenda pecuária “hospeda” bois.

No entanto, diferente de um hotel, em que a diária é paga com o dinheiro do hóspede, na fazenda, a diária do boi será paga pela sua produção.

Sendo assim, para compor nosso planejamento anual, precisamos avaliar a necessidade de produção diária do animal para pagar os custos diários da fazenda, e ainda gerar um excedente ou lucro diário, afinal, nenhum hotel “cobra” a diária de um cliente pensando somente em pagar os custos.

Para lhe ajudar com essas contas, na série especial de vídeos “Quanto Custa”, mostraremos como calcular o ganho de peso diário para pagar alguns custos envolvidos na atividade, como: custo do ágio, custo do pasto e custo da suplementação.

Você irá se surpreender!

Esperamos que, a partir destes vídeos, você passe a avaliar os custos diários da sua fazenda sobre o ponto de vista da necessidade de ganho de peso diário, para cada investimento feito e, com isso, estabeleça metas produtivas condizente com a sua necessidade.

Neste terceiro e último vídeo da série, falaremos sobre o custo de suplementar os animais. Qual o custo da suplementação? Qual o impacto dela no custo diário da fazenda? Qual a necessidade de GMD para pagar esse custo?

Clique e confira:

Nutrição Animal – Agroceres Multimix

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui